Brasil:Pré-colonial

A princípio a colonização do Brasil (Ilha de Vera Cruz) não foi idealizado inicialmente, após a descoberta do território em 1500 com Pedro Álvares Cabral, a colonização ficou sem ser implementada pelos Português.

Chegada ao Brasil em 1500

  Chegada ao Brasil em 1500

Porque não existia provas de riquezas, além do grande números de nativos que existiam no território sendo implementada só em 1530, portanto o período Pré-colonial se instala entre 1500 à 1530.

Contexto da época

De acordo com essa situação empregada no Brasil, não era necessário uma exploração momentaneamente destes territórios, pois não se sabia da constituição de riquezas que esse solo poderia ter, além de um grande grupo de nativos que ocupam deste território.

Por ser uma terra inexplorada, não se tinha noção exata da dimensão e produtividade que esse solo poderia dispor.

Um dos fatores de suma importância para há não iniciativa de um processo de colonização efetivo, foi a descoberta dos idealizados caminhos para Índias, com Vasco da Gama em 1498 sendo assim, instaurada a tirada de recursos da tão idealizada  Índia e suas especiárias.

Inegavelmente foram o propulsor da empreitada constituída de  Era do descobrimentos, pela necessidade de novas rotas para o Oriente com sua fonte colossal de especiárias e um mercado amplo ao seu favor.

Com o intuito de extração de riquezas, constituindo os lucros tão almejados pelas Coroa portuguesa no território do Oriente, porém quando se abre um leque em um âmbito sem procedentes, gera um redução das conquistas dessas riquezas pela elevação descontrolada de remoção.

Eventualmente quando várias pessoas começam a tirar de forma desenfreadas as riquezas de um solo, estas começam a não conseguirem suprir a alta demanda, sendo assim diminuídas gradativamente até a extinguir sua iniciativa.

Novos olhos para seus territórios

Necessitando de uma nova fonte de gerar renda (riquezas),  assim  os olhos da coroa portuguesa se voltam para as novas terras que possuíam, começando a ver no território novo como fonte rendável futuramente.

Essas iniciativas encontra o que  será chamada de pau-brasil, no qual se consegue extrair um coroante que neste período era de alta valorização. A coroa necessitava de distinção os outros setores hierárquicos, além de suas riquezas possuíam uma vestimenta que os separava dos demais.Essa cor era o carmim, usualmente inicialmente  na Idade média eram extraídos de um molusco, agora podendo ser retirado de uma árvores bem comum no novo território e que já se existia no Oriente de outras formas.

Nesta perspectiva tiveram a noção que o Brasil poderia ser muito mais do que o esperado, começando uma exploração e futura colonização.

Olhares para o território

Entretanto como se houve uma geração de riquezas neste território, gerou atenção de outros povos europeus, que começaram a vim para o Brasil porque queriam aproveitar dos novos recursos inimagináveis, que poderiam existir neste território como forma de escambo.

Possuindo em uma terra que até pouco tempo antes inexplorada, agora estava sendo disputada por muitas potências gerando preocupação aos portugueses, de existirem politicas de conquistas em seu solo.

Elevação de chegadas em terras brasileiras

 Elevação de chegadas em terras brasileiras

Enfim depois que se viu sendo rondando por inúmeros povos europeus, a Coroa toma a decisão de ocupar e colonizar este continente  em 1530. Sendo assim de 1500 até 1530, um período pré-colonial, ou seja, sem incentivos no âmbito de ocupação territorial, só uma ronda no sentido de conhecimento raso do território, proteção de suas costas e futura retirada do pau-brasil.

 

 

Deixe um Comentário